sexta-feira, 12 de janeiro de 2018

Temer quer garfar aposentadoria do povo,mas perdoa dívida de R$ 200 milhões do milionário Neymar

O caso de uma suposta sonegação fiscal de Neymar entre 2011 e 2013 teve um ponto final nesta terça-feira.
Apoiador do Aecio Neves, Neymar  e Temer rindo da cara do povo que vai ter que pagar a conta
Apoiador do Aecio Neves, Neymar  e Temer rindo da cara do povo que vai ter que pagar a conta
Depois de obter vitória no Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf), Neymar viu nesta terça a Receita Federal desistir do recurso contra esta decisão no processo fiscal que chegaria hoje a R$ 200.000.000,00 (Duzentos milhões) (com correção monetária).
“A procuradoria desistiu do recurso porque nós obtivemos a vitória no caso. O caso está encerrado, nada mais pesa contra nós“, disse o CEO das empresas de Neymar, Altamiro Bezerra.
Neymar vendeu para as empresas do pai os direitos sobre a exploração de sua imagem. Em contrapartida, a NR Sports e a N & N Consultoria pagaram um valor fixo ao jogador e passaram a ficar com as suas receitas de imagem, marketing e patrocínios. Segundo a acusação Receita, esses valores pertenceriam a pessoa física de Neymar – a alíquota nesse caso seria de 27,5%, contra 15% a 20% no caso de imposto de renda de pessoa jurídica, ou 9% em contribuição sobre o lucro de empresas.
O argumento da defesa de Neymar, acolhido pelo Carf, foi pautado no fato de que o jogador e as empresas são entes diferentes: o novo camisa 10 do Paris Saint-Germain não é sócio em nenhuma delas. Por isso, seria perfeitamente normal que possa negociar seus direitos de imagem com elas sem que haja simulação.
Na Espanha, Neymar ainda briga nos tribunais, já que ainda será julgado acusado de corrupção na polêmica transferência do Santos para o Barcelona.


Fonte: ESPN via Falando verdades
Leia também: Ao contrário de Temer, Justiça Espanhola pede prisão de Neymar
Confira o Salario de Neymar que teve a dívida perdoada para o povo pagar a conta com 49 anos de trabalho

segunda-feira, 8 de janeiro de 2018

Após aumentar verbas de publicidade para o SBT, Temer é convidado por Sílvio Santos a “explicar” as reformas pro povo no SBT

Após aumentar verbas de publicidade para o SBT, Temer é convidado por Sílvio Santos a “explicar” as reformas pro povo no SBTClaro que é cascata o pretexto usado por Sílvio Santos para convidar Michel Temer para explicar reforma da Previdência. “Eu não entendo o que vai ser votado”, disse ele a Michel Temer, em almoço do domingo, na presença do genro, o deputado da JBS Fábio Faria. “Quero que você vá lá e me explique. Se eu entender, o povo entende”. O motivo é outro e deve estar ligado a verbas de publicidade, pois, se quisesse saber da reforma, chamaria especialistas independentes. Se os movimentos sociais estavam esperando oportunidade para protestar, ela chegou. No dia em que Temer gravar a participação dele no Sílvio Santos e no Ratinho, os brasileiros podem se manifestar em frente aos estúdios, na rodovia Anhanguera.
Segundo o blog Painel, do jornal Folha de S.Paulo, durante a conversa, teria Silvio justificado o convite ao emedebista. “Eu não entendo o que vai ser votado”, disse. “Quero que você vá lá e me explique. Se eu entender, o povo entende.”
Além do apresentador e de Temer, também estavam presentes o ministro Moreira Franco e deputado Fábio Faria (PSD-RN), genro de Silvio.
Fontes: Istoé e Infomoney via Falandoverdades

quinta-feira, 4 de janeiro de 2018

TOMA LÁ DA CÁ Temer desvia R$ 3.600.000.000,00 da saúde e outras áreas para aprovar reforma da Previdência, informa jornal

Michel Temer do MDB/SP Diz não ter dinheiro para as aposentadorias e teria pego país quebrado, porém para mimar deputados e dar isenções a empresas grandes com bilhões de dinheiro público sobra dinheiro
Segundo a Folha de S. Paulo, recursos dos ministérios da Saúde, Integração Nacional e Cidades serão utilizados para financiar emendas parlamentares a fim de convencer deputados a votarem a favor das mudanças nas regras para aposentadoria
Michel Temer rindo da cara do povo durante cerimônia de posse da diretoria-executiva da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil TOMA LÁ DA CÁ Temer desvia R$ 3.600.000.000,00 da saúde e outras áreas para aprovar reforma da Previdência, informa jornal
Michel Temer rindo da cara do povo  durante cerimônia de posse da diretoria-executiva da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil
Foto: Marcos Corrêa/PR
São Paulo – Seguem as negociatas para a aprovação da reforma da Previdência. O presidente Michel Temer cobrou dos ministros Ricardo Barros (Saúde), Alexandre Baldy (Cidades) e Helder Barbalho (Integração Nacional) que desviem R$ 3,6 bilhões (R$ 3.600.000.000,00) de suas pastas para a base aliada na Câmara. A informação foi divulgada pelo jornal Folha de S. Paulo nesta terça-feira 12. 
Ainda segundo a Folha, Temer disse ter pressa e avisou que gostaria de ver as mudanças equacionadas ainda este terça.
Os recursos  serão utilizados para financiar emendas parlamentares que serão pagas no início do ano que vem. O Orçamento de 2018 será votado na mesma semana em que o governo tentará aprovar as novas regras de aposentadoria

    quarta-feira, 27 de dezembro de 2017

    Deputados querem acabar com as aposentadorias e isentar de impostos empresas de telefonia

    deputados Odorico Monteiro (PSB/CE) e Heitor Schuch (PSB-RS) Deputados querem acabar com as aposentadorias e isentar de impostos empresas de telefonia
    Sobra dinheiro para bondade a todos, menos para o povo que querem que trabalhe 49 anos

    Segundo informações do jornalista Leandro Mazzini, dois deputados federais querem aprovar uma MP (MP 810) para isentar de impostos empresas de telefonia no Brasil, além dos serviços precários e caros de internet e telefonia, os deputados Odorico Monteiro (PSB/CE) e Heitor Schuch (PSB-RS) tentam aprovar sem o alarde de manifestantes e da mídia o que seria um verdadeiro presente de fim de ano ás Teles. 
    Os dois deputados apresentaram emendas a emenda, para zerar de impostos, as empresas de telefonia, podendo gerar um prejuízo bilionário anual aos cofres públicos.
    Além de isenção ás teles, a dupla de deputados quer dar isenção total para operadoras de cartoes de crédito, que cobram Juros abusivos anualmente ao consumidor e taxas e serviços nada baratos também.
    Além dessa medida, outro deputado Pauderney Avelino (DEM-AM) quer na mesma MP, com sua emenda  dar isenção fiscal também para  fabricantes de motocicletas, que nada tem haver com a MP que trata de tecnologia.

    domingo, 24 de dezembro de 2017

    Quem ganhar menos de 1 salário mínimo pode ficar sem aposentadoria

    Temer e mEIRELES RINDO DO POVO Quem ganhar menos de 1 salário mínimo pode ficar sem aposentadoriaEnquanto perdoam R$ 1.000.000.000.000,00 de dívidas de petroleiras, Quem ganhar menos de 1 salário mínimo pode ficar sem aposentadoria


    Do G1
    A Secretaria da Receita Federal divulgou nesta segunda-feira (27) as regras para que os trabalhadores complementem a contribuição previdenciária caso recebam menos de um salário mínimo em um determinado mês.
    Essa medida é necessária porque a nova lei trabalhista, sancionada neste ano pelo presidente Michel Temer, criou a figura do trabalhador intermitente, que pode ser chamado para exercer funções ou prestar serviços de forma esporádica.
    Nessa situação, o trabalhador, mesmo que registrado, pode vir a receber remuneração inferior a um salário mínimo em um determinado mês. Se isso acontecer, a contribuição previdenciária dele seria menor que a necessária para que esse mês seja considerado na conta do tempo para requerer a aposentadoria no futuro.
    Com o ato declaratório da Receita, portanto, o trabalhador vai poder pagar, do próprio bolso, a diferença para que a contribuição chegue, pelo menos, ao valor referente a um salário mínimo. Assim, aquele mês entrará na conta do tempo para requerer a aposentadoria.


    (…)
    P.S do Falandoverdades: Com a figura do trabalhador intermitente, onde existem empresas oferecendo vagas com salário de 4,50 a hora, algumas 115 mensais, ficaria muito difícil alguns trabalhadores conseguirem alcançar tanto o salário mínimo, quanto conseguir pagar essas taxas a mais

    quinta-feira, 21 de dezembro de 2017

    Globo e Temer se acertaram para acabar com aposentadoria do povo



    Michel Temer(PMDB que mudou para MDB) e os donos da Globo se reuniram secretamente, em outubro, para definir pauta comum contra os trabalhadores.
    Globo e Temer acertaram, por exemplo, a estratégia de votação da reforma da previdência, qual seja, o fim das aposentadorias.
    Temer aproveitou para enquadrar a emissora, que, segundo ele, tentou derrubá-lo na cobertura da delação da JBS.